segunda-feira, 22 de julho de 2013

Música para ouvir*

Eu sou uma pessoa completa e absolutamente apaixonada por música. Sempre tenho uma (várias) música para embalar os meus dias. Quando estou muito nervosa, ligo o som alto e apenas ouço as batidas da música (daquelas coisas que se aprende com o irmão mais velho; o meu me ensinou isso na adolescência; "abstrai" é o nome que damos ao momento). Quando estou muito feliz, também preciso de música. Pra faxina, pra cozinhar, algumas vezes até pra escrever (e pra fazer exame de sangue também, haha). Viajando de carro, então, é lei. E música nacional me prende ainda mais. Na verdade, é mais de 90% do que eu ouço, com certeza. Temos muita gente boa fazendo música aqui (gente que já se foi, gente que tá aqui faz tempo e gente que acabou de chegar), apesar dos piores serem mais divulgados na grande mídia, blah! E eu adoro saber mais da pessoa por trás do palco; algumas vezes admiro ainda mais o trabalho por saber um pouquinho quem ela é; adoro um making of. Adoro um show, adoro cantar (com a música, ninguém merece ouvir minha voz cantando sozinha), adoro dançar! Acho mesmo que a música tem um poder de nos deixar mais leves, mais conectados, mais felizes. Ano passado, inclusive, fiz amigos maravilhosos através da música, e somos um grupo grande e bem unido hoje em dia.

Então óbvio que com a gravidez não seria diferente. Tenho tido momentos muito gostosos com Bolota, ouvindo música. Em dias como hoje, que acordei com uma saudade danada desse bebê que ainda não nasceu (oi, meu nome é Marina e sinto saudade do que ainda não aconteceu), com uma pontadinha de aperto no coração, sentindo tanta coisa sem saber direito o quê, simplesmente faço dos canais dos artistas que mais gosto no youtube, ou dos meus dvds de shows (adoro!), ou do rádio, meus melhores amigos e, depois de uma hora ou duas, já estou me sentindo bem melhor, organizando mentalmente o que estava bagunçado. E como tenho ouvido muita música nos últimos dias, e como algumas delas já me ligam imediatamente ao meu bebê, quero registrar aqui apenas algumas que fazem sentido agora na minha vida, porque esse blog também é pra isso: depósito de memórias afetivas


"Pode ser um lapso do tempo
e a partir desse momento acabou-se solidão
Pinga gota a gota o sentimento
Que escorrega pela veia e vai bater no coração
Quando vê já foi pro pensamento
Já mexeu na sua vida, já varreu sua razão
Acelera a asa do sorriso
Muda o colorido, vira o ponto de visão"
(Música: Se não for amor, eu cegue)
Capa do cd é uma foto do netinho do Lenine dormindo sobre seu peito, como não amar?


"Talvez pelo buraquinho, invadiu-me a casa
me acordou na cama
Tomou o meu coração e sentou
na minha mão"
(Acabou chorare, versão Arnaldo Antunes)
para dias de saudade do que ainda não veio


"A Casa é Sua", Arnaldo Antunes
penso que vou ouvir muito essa nas vésperas de parir, rs


"Alegria, Alegria"
porque é Caetano. Fim.


Todo o dvd Música de Brinquedo, do Pato Fu - que não é só para crianças. 
Gosto muito!



Ok, eu poderia ficar aqui por horas só colocando músicas que fazem parte da minha vida e que tenho ouvido agora, mas não ia acabar tão cedo e nem ninguém teria paciência - até porque, ninguém é obrigado a ter contato com o que eu gosto. Isso não é nem 1% do que ouço, mas por enquanto tá bom; talvez eu escolha um dia da semana para arquivar uma música aqui ;) Memória afetiva preservada para Bolota ver no futuro, e depois vou acrescentando mais. 



* "Música para ouvir" é o nome de uma música do Arnaldo Antunes (sim, sou fã e ele é figurinha carimbada aqui em casa)

8 comentários:

  1. Não era nada musical, sempre gostei mais de silêncio, mas depois de grávida adoro ouvir música, acho que meu pequeno sol é chegado em um bom som =)
    Quando chegar em casa vou ouvir sua seleção!
    BJuss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também tenho meus momentos de silêncio, Má. Às vezes, fico uma tarde inteira em silêncio total aqui em casa. Mas a música é bem presente aqui...
      Pequeno Sol animado, adoro! haha :D

      Beijinho!

      Excluir
  2. Adoro musica também, mas mais canto para o Bento (inclusive invento musicas para ele o tempo todo! Rs) do que coloco musicas para ele ouvir. Preciso fazer mais isso!

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que fofo que você inventa musiquinhas pro Bento, Loroca ^^
      não faço isso com Bolota (ainda, haha), tenho o hábito de cantar ouvindo as músicas mesmo. É muito gostoso ^^

      Beijinho!

      Excluir
  3. Amo todas as músicas que você postou, e já coloquei no meu blog um tempo atrás esse mesmo link do youtube do DVD do Pato Fu, sou apaixonada! É a coisa mais fofa!
    Pelo visto seu bebê terá tanto bom gosto quanto o meu, que já saltita loucamente aqui na barriga quando escuta a voz do Tom Jobim! haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal que também curte essas músicas, Morgana :)
      Esse dvd do Pato Fu é muito bom, gosto muito da voz da Fernanda.
      Own,que fofoo seu baby bossa nova, haha. Preciso ouvir mais Tom Jobim também...

      Beijo beijo!

      Excluir
  4. Por aqui, uma overdose de Chico, de Alceu e dos Beatles(coincidentemente - ou não - todos aprendi a amar com minha mãe, desde que nasci) em looping constante... música é vida! Nada mais apropriado pra esse momento nosso. :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho andado resgatando músicas que me lembro muito de ouvir na infância. Músicas que era a cara dos meus pais num domingo. Parece que tenho ido inconscientemente buscar referências.
    Bela playlist pra Bolota. Pense num bom gosto! :D

    Beijooo

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e faça uma família feliz :)